Exercício na Melhor Idade

Chegada à terceira idade e é provável que se sinta mais desequilibrado ou com menos força muscular. Ao mesmo tempo que aumenta a esperança média de vida, terá também de aumentar os movimentos e os exercícios físicos, para que se sinta bem seja com que idade for.

As capacidades motoras sofrem uma perda significativa e, por essa mesma razão, deve-se ser persistente na prática de movimentos para que a qualidade de vida seja excelente. Claro que fazer exercício físico não dispensa o cuidado com outras áreas como a alimentação ou o contributo intelectual para a capacidade de raciocínio e de memória.

A atividade física nos idosos tem um papel fundamental para prevenir o acelerar do envelhecimento. O exercício tem diversos benefícios no corpo humano, especialmente para alguém que já se encontra na terceira idade. Pode ganhar autonomia, aumentar a massa muscular e massa óssea, faz um estímulo ao seu metabolismo, ajuda ao bem-estar psicológico e ao estímulo dos aspetos cognitivos como a memória e a concentração. Para além de todos estes benefícios que se concretizam a nível físico, pode desenvolver capacidades de interação que proporcionam um melhor convívio social.

Tópicos: 
KeepmovingSaúde
Consentimento de cookies